sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Afelandra-Coral

(Aphelandra sinclairiana)

As inflorescências da afelandra-coral nascem nas pontas dos seus ramos, são espigadas e compostas por brácteas de cor salmão, com pequenas flores róseas muito visitadas por beija-flores. Essas brácteas são duradouras e permanecem por um bom tempo na planta, do final do inverno até o início do verão.

Nátivo da América Central, o arbusto chega a 3m de altura e é típico de clima tropical quente, por isso não tolera o frio. No jardim, deve ser cultivado isolado, formando maciços ou em renques ao longo de muros ou cercas. Cultive a afelandra-coral sempre sob sol pleno e em solo rico em matéria orgânica e mantido úmido.


Fonte: Paisagismo para pequenos espaços, Página78, Editora Europa .
Foto 01 :http://toptropicals.com/cgi-bin/garden_catalog/cat.cgi?uid=aphelandra_sinclairiana
Foto 02: http://davesgarden.com/guides/pf/showimage/51235/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Euterpe olearacea Mart.

Pequeno, redondo e de cor azul-noite, quase negro, o açaí pode ser considerado a pérola da Amazônia. O açaizeiro faz parte da família da...