Pular para o conteúdo principal

Postagens

Aroeira - pimenteira

Nome Científico: Schinus terebinthifolius




DESCRIÇÃO : Arbusto ou árvore de até de 12 metros de altura, possui tronco geralmente curto e tortuoso de até 60 cm de diâmetro, com casca externa de coloração acinzentada, marcada por fissuras longitudinais estreitas, e casca interna de coloração rosada e textura fibrosa.
FENOLOGIA: A floração ocorre de setembro a dezembro ,e a frutificação de dezembro a junho.
UTILIZAÇÃO: A madeira,com densidade e durabilidade elevada,é transformada em esteios, mourões, lenha e carvão.
Da casca produz - se tinta para tecidos, o chá dos ramos e folhas é utilizado no tratamento de doenças das vias respiratórias e urinárias, usadas também como estimulante dos órgãos digestivos, contra moléstias da pele e debilidade dos membros em geral.
Os frutos servem como pimenta para ornamentação de pratos culinários, a árvore é usada na arborização de ruas e indicada para recuperação de áreas degradadas.
ECOLOGIA E PROPAGAÇÃO: Espécie pioneira agressiva, ocupa rapidamente ambi…
Postagens recentes

ATENÇÃO

AMIGOS BLOGUEIROS ,ESTAMOS AGORA TAMBÉM NO FACEBOOK:
https://www.facebook.com/ocultivoavida/
Youtube:
https://www.youtube.com/user/rodrigoschez
Agora estou dando mais ênfase ao reflorestamento e ao plantio de árvores em áreas verdes, a partir de minhas próprias mudas, sendo que as faço desde o plantio das sementes.
Obrigado ao apoio de todos.
Fiquem com Deus.




Muntingia calabura

FAMÍLIA: Muntingiaceae.
CICLO DE VIDA: Perene.
ORIGEM: Sul do México, Caribe e sul do peru e Bolívia.
PORTE: De 7 a 12 metros de altura.


FLORES: São de tamanho pequeno e coloração branca, com 5 pétalas.
FRUTOS: Comestível, de polpa muito doce, contém grande número de minúsculas sementes de coloração amarela (0,5cm)

Nota: Sabe-se também que cada fruto, com 1,6 cm de diâmetro, pode conter, em média, 4.450 sementes e que um grama de sementes limpas e secas contém aproximadamente 44.500 unidades.
Trata-se de uma  espécie pioneira que prospera em solos pobres, capaz de tolerar condições ácida e alcalina e seca. As suas sementes são dispersas por aves e morcegos frugívoros
Devido ao rápido crescimento e intensidade de frutificação, despertou grande interesse, ao setor de Manejo de Fauna e Áreas Silvestres, como uma espécie de enriquecimento da flora. Por crescer em solos pobres e de sua propagação eficaz por meio de aves e morcegos, ela é muito utilizada em projetos de  reflorestamento
Foi introduzi…

Como transplantar árvores e arbustos

Como transplantar árvores e arbustos:
A transplantação é um processo que causa um enorme stress a uma árvore ou arbusto e se esta não for bem feita eles podem morrer. Para que isto não aconteça, saiba como transplantar árvores e arbustos de uma forma correta e construa o seu jardim à sua imagem. A TRANSPLANTAÇÃO DE ÁRVORES E ARBUSTOS Antes de transplantar uma árvore ou um arbusto deve avaliar se estes têm ou não condições para serem transplantados com sucesso. O aumento do stress sobre as árvores e arbustos que não estão preparados para serem transplantados pode fazer toda a diferença entre uma árvore ou um arbusto saudável e atrativo e um outro que esteja em declínio.

Ao adquirir árvores e arbustos numa loja de jardins especializada ou em viveiros, eles serão novamente transplantados no seu quintal ou jardim. No entanto, as árvores e os arbustos que se encontram nos viveiros têm as raízes podadas, o que os prepara para uma eventual colheita e transporte para a área onde vão ser planta…

22 Árvores de raízes agressivas

1. Salgueiro-chorão – Salix x pendulina: Copa inadequada para as calçadas, atrapalha os transeuntes. À procura de água, os chorões tem tendência a destruir tubulações de água e esgoto enterradas.

2. Flamboyant – Delonix regia: Raízes tabulares, muito superficiais e agressivas.

3. Ficus – Ficus benjamina: Atinge grande dimensões. Nunca para de crescer. Apresenta raízes superficiais e adventícias.

4. Paineira-rosa – Ceiba speciosa: Árvore de crescimento vigoroso, grande porte, que apresenta madeira frágil, tronco recoberto de espinhos. Sujeita à quebra.


5.