Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2010

Mandevila ou Mandevilla sanderis.

Espécie hibrida, apresenta flores grandes de cor rosa intenso e miolo amarelado durante quase todo o ano, as flores exalam um perfume semelhante ao tutti fruti, os ramos podem atingir até 6M de comprimento, mas ela não é uma espécie agressiva. É indicada para ser conduzida em treliças, arquinhos e cercas. Gosta de sol pleno, e também se adapta bem em locais que tem bastante vento, o solo deve ser mantido úmido. Reproduze-se por estaquia. Fonte: Paisagismo para Pequenos Espaços, Ano; 2010, Editora;Europa.

Ambientes Inspiradores.

Atiora ou (Hatiora salicornioides)

Este Cacto arbustivo de até 1M de altura apresenta, na ponta de cada um dos ramos, pequenas flores amarelas e alaranjadas. Elas medem até 2cm de comprimento e surgem durante toda a primavera e meados do verão. No jardim ou em vaso, a atiora é otima para decorar locais bem iluminados, mas sempre protegida do sol direto. Originária da Mata Atlântica da região Sudeste e parte da região Sul do Brasil, a espécie é característica de clima tropical e úmido e gosta de solo fértil e bem drenado. As regas podem ser espaçadas, uma vez por semana no verão e uma vez a cada 15 dias no inverno. Multipica -se por sementes ou por estaquia dos segmentos.

Fonte: Paisagismo para pequenos espaços, Ano; 2010 , Pag: 105.

Onze - Horas(Portulaca oleracea)

Espécie com ramagem densa e avermelhada, composta por pequenas folhas carnosas e ovaladas. As flore, que despontam principalmente no verão, podem ser amareladas, vermelhas ou brancas.É cultivada em vasos e floreiras, ou a forma de forração, a sol pleno. Essa planta também é comestível. Suculenta herbácea de ciclho anual, prostrada, de até 20cm de altura, nativa inicialmente da Europa e hoje praticamente cosmopolita, característica tanto de clima tropical como subtropical. O Solo pode ser arenoso, acrescido de matéria orgânica e ragado a intervalos. A repdrodução é por sementes ou por estaquia.

Fonte:Paisagismo para Pequenos Espaços, Ano;2010, Pag;101.

Ambientes Inspiradores.

Fonte: Revista Natureza; Ed;274, Novembro/2010.

Mike Taison.

Ola,amigos infelizmente paro um pouco de publicar sobre as plantas para falar de uma nota triste em minha vida, acabo de perder um dos meu melhores amigos, meu cachorro Mike Taison, infelizmente ele morreu de Cancer.
Taison va com Deus meu amigo e se junte a Lessi, Dara, Laica , Duda.

Que Deus o Abenções , estarei sempre com vc aqui no meu Coração.

Abacaxi-Vermelho ou (Ananas bracteatus var.striatus)

Planta de Grande valor ornamental, com folhas longas e estreitas, verdes com listras esbranquiçadas nas bordas e nuances avermelhadas na parte mais central da roseta. A influtescência é comestível, mas muito ácida. Pode ser cultivada em vasos, compondo maçicos ou como bordadura em forma de uma cerca viva defensiva, devido aos espinhos agressivos nas bordas das folhas. Aprecia sol pleno. Herbácea perene, terrestre, com até 80cm de altura. Nativa da Argentina, do Paraguai e principalmente do Brasil, típica de clima subtropical, tolerante ao clima tropical. O solo pode ser arenoso, acrescido de matéria orgânica e regado quando estiver seco. A reprodução é por sementes, pelos brotos que se formam na parte superior da infrutescência, ou por divisão de touceiras.

FONTE:Paisagismo para pequenos espaços, Pag;108, Ano;2010, Editora Europa.

Plantas que curam.

SAÚDE! entrevistou alguns dos mais renomados pesquisadores brasileiros para esclarecer, de vez, como recorrer às propriedades da nossa flora sem correr riscos
Por Adriana Toledo | Design Eder Redder | Fotos Dercílio

“A flora nacional concentra a maior biodiversidade do mundo. São 55 mil espécies catalogadas, o correspondente a 20% do total distribuído pelo planeta”, dispara o médico Roberto Boorhem, presidente da Associação Brasileira de Fitoterapia. Esse tesouro natural é uma oportunidade de avançar na descoberta de novos tratamentos médicos, desde que utilizado com critério científico.

Antes de tudo, apague a crença de que tudo que é natural não faz mal. “As plantas necessitam de recursos químicos para se defender, como alguns alcaloides, que, por serem amargos e tóxicos, afastam predadores, ou óleos essenciais, que atraem aves para a polinização”, exemplifica a farmacêutica Ivana Suffredini, da Universidade Paulista, na capital. “Assim como algumas dessas substâncias podem atuar posi…

Projeto Rodrigo Sanchez - Paisagista.

Cacto - Parodia spaniosa

Parodia spaniosa.

Cacto - Astrophytum coahuilense

Astrophytum coahuilense.

Cacto - Escobaria minima.

Escobaria minima.

Cactos.

Astrophytum super kabuto.